Como emitir tokens?

Como é o processo de tokenização de um ativo?

1ª etapa: Estruturação do Token

  • O ativo a ser tokenizado é analisado pela Liqi para garantir que ele existe e que respeita certas condições
  • É criado um contrato legal que estabelece os direitos do detentor do token
  • É criado um “Título ao portador” digital (token), que confere direitos a quem o carrega, como um cheque
  • É aberta a conta Escrow para o recebimento dos investimentos

2ª etapa: Emissão dos Tokens

  • São criados instantaneamente os Smart Contracts dentro de uma rede segura e criptografada chamada Blockchain
  • O time de tecnologia configura todo o token, que passa a existir dentro do Blockchain da rede da Ethereum
  • Os tokens estão prontos para serem distribuídos aos investidores

3ª etapa: Listagem ou Distribuição

  • O token é ofertado publicamente para os investidores dentro da plataforma da Liqi
  • O investidor pode finalmente investir no token com o capital que preferir
  • Quando a oferta é comercializada, o investidor recebe os seus tokens dentro da plataforma Liqi

4ª etapa: Governança

  • A Liqi se responsabiliza por assegurar que o investidor receba o que lhe é de direito (como dividendos, juros ou qualquer rentabilidade do token)
  • O investidor conta com acesso exclusivo a uma página de notícias sobre o projeto atualizada pelo emissor
  • O investidor pode visualizar o andamento do direito tokenizado e avaliar o andamento do projeto e a produção de retorno
  • O investidor pode acompanhar o desenvolvimento do projeto do token no espaço de governança.
  • Em determinados casos contamos com auditoria externa de empresas do mercado

Para mais respostas, consulte nosso FAQ.

Este site usa cookies e tecnologias semelhantes de forma segura. Ao
continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.